You are currently browsing the tag archive for the ‘Botequim’ tag.

De passagem por Zurique, deparei-me com algo moderno, que lembrava um cofre de banco ou uma entrada de elevador, ao ar livre. Era um sanitário público. Ri com a lembrança do nosso Botequim, que ficava na Rua da Frente, pros lados da bodega de seu Isídio.

Rememorei que, Menino da Rua da Frente, durante toda a minha infância convivi  com uma estrutura tosca construída na beira do cais, e por ter o uso que tinha era evitado por crianças e adultos que por ali passavam. Ou moravam, como eu. Era o Botequim da Bosta, estrutura jamais citada em qualquer texto escrito sobre a cidade. Foi o primeiro sanitário público de Areia Branca. Já falei disso aqui.

Em face do seu nome estranho e do seu uso restrito aos trabalhadores do cais, o Botequim jamais foi lembrado em qualquer lista de equipamentos comunitários. Este sequer deixou rastros. Uma foto sequer. Assim eu imaginava.

O Botequim era utilizado pelos calafates e tripulantes de barcos que ancoravam no porto, ou pelos trabalhadores que realizavam algum serviço de manutenção ou reparo em embarcações, além de uma miríade de pessoas que circulavam pela Rua da Frente, como Fernando, Casca de Ovo, Macaco, já citados neste blog.

O fedor e a sujeira chegavam a um nível que as mães, sempre preocupadas com a segurança dos filhos, diziam: Tomar banho pros lados da Rampa pode; pros lados do Botequim, não!

Nesta foto de Toinho do Vale, o Botequim aparece pintado de branco, na beira do cais, em frente à mercearia de seu Isídio. Observar a antiguidade desta foto. Deve ser anterior a 1950, pois ainda não havia os pés de fícus junto à calçada.

Os pés de fícus foram exterminados do Brasil em meados de 1960, quando uma praga de lacerdinhasinfestou essas árvores em quase todo o Brasil. Esses insetos atingiam os olhos, provocando intensa irritação e ardência. Eram chamados de lacerdinhasem referência ao político carioca Carlos Lacerda, que ficou famoso por sua raivosa oposição aos presidentes Getúlio Vargas e Juscelino.

rua-da-frente-botequim cópia 2Close Botequim

Um close no Botequim. Ele existiu. Eis a prova!

Subst. Boteqim

Hoje, esta estrutura ocupa o lugar do Botequim

Botequim, um equipamento comunitário mal falado e nunca lembrado.

No contraponto, um primo suíço de excelente aparência.

Suíça_056

EvaldOOliveira

Sócio Correspondente do Instituto Histórico e Geográfico do RN

 

 

 

dezembro 2019
S T Q Q S S D
« nov    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Para receber as novidades do blog